Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Conversas, Café & Sorrisos

Atreve-te a ser tu mesmo todos os dias!

Atreve-te a ser tu mesmo todos os dias!

Conversas, Café & Sorrisos

20
Abr17

A ajuda ao próximo está a entrar em desuso


Ana Rita 🌼

É verdade e cada vez me capacito mais por várias situações que me vou deparando que as pessoas, sobretudo as mais idosas, desconfiam quando tentamos ajudar.

Pois bem, a minha mãe criou um ser humano dotado de muitos defeitos mas com capacidade e vontade de ajuda ao próximo mas a grande barreira muitas vezes prende-se no facto de as pessoas terem medo de ser ajudadas.

Porque é a essa conclusão que chego, que as pessoas têm medo que lhes seja pedido ou exigido algo em troca ou que pura e simplesmente vão ser assaltadas.

E isso entristece-me profundamente porque as pessoas já não conseguem distinguir quem vem por bem e quem vem por mal.

Mas a culpa não é delas, é da falta de capacidade da juventude de prestar auxílio aos mais velhos e de como a minha geração e as seguintes se tornaram umbiguistas ao ponto de só conseguir-mos olhar para nós, a nossa vida, os nossos problemas. Temos falta de capacidade de levantar os olhos e olhar em volta e quando vemos alguém com problemas simplesmente desvia-mos os olhos e mudamos de passeio.

 

Foi isto que os nossos pais nos ensinaram? É este o legado que vamos passar aos nossos filhos?

 

Uma vez alguém que ajudei perguntou-me “porque é que a menina me está a ajudar?” e a resposta, para mim é tão simples como “se fosse a minha avó eu também gostava que alguém a ajudasse” porque esta é a verdade. E eu quero querer que em algumas situações em que a minha avó precisou alguém teve a capacidade de parar por 5 minutos e ajudar uma pessoa que tem pouca mobilidade.

Mas olhando á minha volta fico triste e incomodada por perceber que as pessoas são cada vez mais desconfiadas porque a ajuda ao próximo é algo raro nos dias de hoje.

IMG_1465.png

 

11
Abr17

Não sou fit...mas estou a tentar


Ana Rita 🌼

Eu juro que estou a tentar mas é tãããããooo forte a vontade de comer disparates.

Acho que tenho alguma doença tipo comerolica anónima ou docemaniaca e sempre que penso "Vou fazer dieta" assola-se de mim uma vontade imensa de comer jabardices só porque sim!

O meu esponjo diz que eu sou perita em "micro-dietas" - começam e acabam à velocidade da luz!! 

balança002.jpg

 A verdade é que desta vez me descontrolei à seria com as comidas e com os doces e estou bastante a cima do meu peso "perfeito" a modos que estou a ficar bem roliça - e não é de todo isso que se quer.

 E estou (ou neste caso vou) pagar a "factura" porque a minha roupa está apertada e nada me fica bem - pelo menos é aquilo que sinto quando olho para o espelho.

 Por isso é preciso mudar e para mudar é preciso ter força de vontade e pré-disposição para isso porque se não for eu a fazer por mim não há dietas nem incentivos que me valham.

Começo com uma dieta leve - para não me assustar - deixei praticamente todos os alimentos com hidratos de lado (continuo a comer pão - metade ao pequeno-almoço e metade ao lanche) e carne de porco NEM VÊ-LA!

E faço caminhada todos os dias - durante 1h - e ao contrário daquilo que pensava estou a ADORAR o meu bocadinho comigo mesma - só eu, os meus pensamentos e a minha musica em sintonia com a natureza.

 

 

 

 

07
Abr17

De coração cheio...


Ana Rita 🌼

Porque causa destas duas meninas:

Sem Título.jpg

 São umas queridas a Alexandra que a proposito tem um espaço que nos trás Algo à Mesa e a Ladybug que anda pela nossa blogoesfera á pouco mas que tem muito para nos trazer como ela mesma diz 

"Os meus interesses vão desde os assuntos mais mundanos até aos mais espirituais. Lá está... sou eclética!"

Ora vão lá dar uma espreitadela aos blogs destas meninas que valem bem a pena 

05
Abr17

Pérolas à lá Pikiko #8


Ana Rita 🌼

Olá a todos, estou com um imenso problema lá em casa....

Pérolas à lá pikiko.jpg

 

 

Pois que o piqueno Pikiko vê constantemente este anuncio no Canal Panda ( https://youtu.be/N6Zb2_lKWQ4) que mostra uns super ténis com poderes voadores e que destroem os vilões...portanto que fazem as maravilhas de uma criança (ingénua) de 3 anos e meio.

Ora o pobre Pikiko ficou encantado e não faz outra coisa da vida se não pedir "os ténis que respiram" e uma pessoa como à e tal aquilo é tudo tanga disse-lhe que os ténis novos eram os ténis que respiram ao que o pobre menino a fazer beicinho e com lágrimas nos olhos responde:

 

- Mas estes não voam mamã! 

 

Isto parte o coração de uma mãe cacete!!

PUBLICIDADE ENGANOSA